sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Trump vai punir empresas que saírem dos EUA





O presidente eleito Donald Trump ameaçou que vai punir empresas que pretendam sair dos Estados Unidos para passar a operar no exterior. Haverá "conseqüências", disse ele, em tom de alerta.

A declaração foi feita em tom de comemoração, nesta quinta-feira, durante uma visita que Trump fez a uma empresa produtora de equipamentos de ar condicionado, localizada em Indianápolis, capital do estado de Indiana. A comemoração de Trump ocorreu porque ele ouviu da diretoria da empresa que a indústria iria cancelar os planos de transferir a fábrica do território norte-americano para o México.

Empregos devem ser mantidos

Ao fazer a declaração, o presidente eleito cumpriu a promessa que fez, durante a campanha eleitoral, de lutar para manter os empregos nos Estados Unidos e não substituir os postos de trabalhos americanos por outros normalmente em países que oferecem benefícios fiscais e mão de obra barata.

A declaração demonstra também que o novo presidente dos Estados Unidos está disposto a fazer intervenções na economia. Os governos americanos têm por hábito nunca interferir em decisões sobre oportunidades de negócios das empresas.

Antes de voltar atrás em seus planos, a empresa de ar condicionado estava disposta a deslocar 800 postos de trabalho para o México.

Edição: Kleber Sampaio




quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Cinema 2.016 - Fences



Fences is an upcoming drama film directed by Denzel Washington and written by August Wilson, based on his play of the same name. The film stars Washington, Viola Davis, Stephen Henderson, Jovan Adepo, Russell Hornsby, Mykelti Williamson and Saniyya Sidney.

Fences é um filme de drama dirigido por Denzel Washington e escrito por August Wilson, baseado em sua peça de mesmo nome. O filme é estrelado Washington, Viola Davis, Stephen Henderson, Jovan Adepo, Russell Hornsby, Mykelti Williamson e Saniyya Sidney.

Principal photography on the film began on April 25, 2016 in Pittsburgh, Pennsylvania. The film is scheduled to be released on December 25, 2016, by Paramount Pictures.

A fotografia principal do filme começou em 25 de abril de 2016 em Pittsburgh, Pensilvânia. O filme está programado para ser lançado em 25 de dezembro de 2016, pela Paramount Pictures.


Plot

Set in 1950s Pittsburgh, a former Negro League player, now working as a waste collector, struggles to provide for his family and come to terms with the events of his life.

Situado em 1950 Pittsburgh, um ex- Negro League jogador, que agora trabalha como um coletor de resíduos , luta para sustentar sua família e entrar em acordo com os acontecimentos de sua vida.


Cast

Denzel Washington as Troy Maxson
Viola Davis as Rose Maxson
Stephen Henderson as Jim Bono
Jovan Adepo as Cory Maxson
Russell Hornsby as Lyons Maxson
Mykelti Williamson as Gabriel Maxson
Saniyya Sidney as Raynell Maxson

Production

Previous attempts to adapt August Wilson's Fences for the screen have been fruitless, partly due to the films industries insistence on using white directors. In a 2013 interview with Empire, Denzel Washington expressed his intention to star in and direct an adaptation of Fences, reprising his role from the 2010 Broadway revival of the play produced by Scott Rudin.

As tentativas anteriores para se adaptar Fences de August Wilson para a tela têm sido infrutíferas, em parte devido aos produtores de filmes insistirem em usar diretores brancos. Em uma entrevista de 2013, para a Empire, Denzel Washington expressou sua intenção de estrelar e dirigir uma adaptação de Fences, reprisando seu papel da Broadway da peça produzida em 2010 por Scott Rudin. 

On January 28, 2016, it was reported that Rudin, Washington and Todd Black would produce a film adaptation of the play, directed by Washington and starring Washington and Viola Davis, reprising their roles from the 2010 revival that garnered both actors Tony Awards. Playwright and screenwriter Tony Kushner came aboard to build on a draft written by Wilson before his death in 2005. However, Wilson will be the only credited screenwriter for the film.

Em 28 de janeiro de 2016, foi relatado que Rudin, Washington e Todd Black iriam produzir uma adaptação cinematográfica da peça, dirigida por Washington e estrelado por Washington e Viola Davis, reprisando seus papéis da produção de 2010, que ganhou os dois Prémios Tony para a peça.  O dramaturgo e roteirista Tony Kushner veio junto para ajudar a desenvolver o projecto escrito por Wilson antes de sua morte em 2005. No entanto, Wilson será o único roteirista nos creditos do filme. 

On April 4, 2016, Mykelti Williamson, Jovan Adepo, Russell Hornsby, Stephen Henderson, and Saniyya Sidney joined the cast, with Williamson, Hornsby, and Henderson also reprising their roles from the 2010 production.

Em 4 de Abril, 2016, Mykelti Williamson, Jovan Adepo, Russell Hornsby, Stephen Henderson, e Saniyya Sidney  parjuntaram-se ao elenco, com Williamson, Hornsby, e Henderson também reprisando seus papéis a partir da produção de 2010.

On April 25, 2016, it was reported that Fences had begun filming in Pittsburgh. On June 14, 2016, principal photography was completed. Post-production is to be completed in mid-November. Charlotte Bruus Christensen was the director of photography, David Gropman was the production designer, Sharen Davis was the costume designer, Hughes Winborne edited the film, Sean Devereaux was the visual effects supervisor, and Marcelo Zarvos composed the film's score.

Em 25 de Abril, de 2016, foi relatado que Fences tinha começado a ser filmado em Pittsburgh. Em 14 de junho, 2016, a fotografia principal foi concluída.  A pós-produção deveria ser concluída em meados de novembro.  Charlotte Bruus Christensen foi a diretora de fotografia,  David Gropman foi o desenhista de produção,  Sharen Davis foi  figurinista, Hughes Winborne editou o filme,  Sean Devereaux foi o supervisor de efeitos visuais, e Marcelo Zarvos compôs a trilha do filme.

Release

The film was scheduled for a limited release on December 16, 2016, before opening wide on December 25. It was later scheduled for only a wide release on December 25, 2016.

Critical response

On review aggregator website Rotten Tomatoes, the film has an approval rating of 90%, based on 10 reviews, with a weighted average score of 7.5/10. On Metacritic, the film has a score of 67 out of 100, based on 7 critics, indicating "generally favorable reviews".

Ficha técnica:

Directed by Denzel Washington

Produced by:

Todd Black
Scott Rudin
Denzel Washington

Screenplay by August Wilson

Based on Fences
by August Wilson


Starring:

Denzel Washington
Viola Davis
Stephen Henderson
Jovan Adepo
Russell Hornsby
Mykelti Williamson
Saniyya Sidney

Music by Marcelo Zarvos

Cinematography - Charlotte Bruus Christensen

Edited by Hughes Winborne

Production
company

Bron Creative
Macro Media
Scott Rudin Productions

Distributed by Paramount Pictures

Release dates
Data de estréia

December 25, 2016 (United States)
25 de dezembro de 2.016 EUA

Running time
Rempo de duração

139 minutes - 139 minutos

Country - País

United States - EUA
Canada

Language - English
Língua - Inglês

Wikipedia

trailer em inglês

trailer legendado

Cinema 2.016

Silence

Sete minutos depois da meia-noite

Cinema 2.015


segunda-feira, 28 de novembro de 2016

I can dream about you - Dan Hartman



No more timing each tear that falls from my eyes
I'm not hiding the remedy to cure this old heart of mine

I can dream about you
If I can't hold you tonight
I can dream about you
You know how to hold me just right
I can dream about you
If I can't hold you tonight
I can dream about you
You know how to hold me just right

Moving sidewalks, I don't see under my feet
Climbing up from down here below
Where the streets sees me lonely for you.

I can dream about you
If I can't hold you tonight
I can dream about you
You know how to hold me just right
I can dream about you

I'm gonna press my lips against you and hold you to me
I can dream about you
You know you got me spellbound what else can it be

Moving sidewalks, I don't see under my feet
Climbing up from the pain in my heart 'cause it's you that I need

I can dream!
Ohhh!!!
I can dream!
Yes I can dream!
Ohhh!!

I don't understand it
I can't keep my mind off loving you (not even for a minute)
Ooo, now baby, I'm caught up in the magic I see in you
There's one thing to do

I can dream about you
If I can't hold you tonight
I can dream about you
You know how to hold me just right

Ohhh!!

I can dream about you
If I can't hold you tonight
I can dream about you
Ohhh

I can dream

Tradução:

Não controlo mais cada lágrima

que cai de meus olhos

Não estou escondendo o remédio

que cura este meu velho coração

Posso sonhar com você

Se não puder te abraçar esta noite

posso sonhar com você

você sabe me abraçar direito

Passando pelas calçadas,

Não vejo sob meus pés

Para cima e para baixo, onde as ruas 
me

vêem solitário à tua espera.

Posso sonhar com você

Vou apertar meus lábios nos seus e

abraçar você bem juntinha

Posso sonhar com você

Você sabe que me enfeitiçou com alguma mágica

Passando pelas calçadas,

não vejo sob meus pés

Com o coração doendo

porque é de você que eu preciso

Não entendendo

Não sai de minha cabeça que eu te amo
oh,

agora menina,

estou prisioneiro de sua magia

Não há nada como você.

letras.mus.com

vídeo clipe legendado

vídeo clipe em inglês

vídeo clipe em inglês 02 

Mais músicas

Sweet freedonm - Michael McDonald

Down under - Ment at work

sábado, 26 de novembro de 2016

Trump sobre la muerte de Fidel Castro



El presidente electo de EE.UU.,  Donald Trump, se pronunció este sábado sobre la muerte de Fidel Castro, informa USA Today.
En sus declaraciones, el republicano aseveró que el mundo ha despedido a un "brutal dictador que oprimió a su propio pueblo durante casi seis décadas", cuyo único legado han sido "pobreza", "fusilamientos" y un "sufrimiento inimaginable"
En el comunicado Trump subraya que, aunque Cuba sigue manteniendo un régimen totalitario, espera que los recientes acontecimientos permitan que este país caribeño se aleje de "los horrores que soportó durante tanto tiempo" y se dirija hacia un futuro que permita a todo el pueblo cubano disfrutar de "la libertad que tanto merece".
El futuro mandatario también se ha unido "a los muchos cubanoestadounidenses que le apoyaron "tanto" durante la campaña presidencial con "la esperanza" de que pronto puedan ver "una Cuba libre".
Sin embargo, otros líderes mundiales sí han expresado su apoyo al revolucionario cubano. Por ejemplo, el presidente de Rusia, Vladímir Putin, ha ofrecido sus condolencias y ha destacado que "la Cuba libre e independiente" construida por Fidel Castro y sus compañeros "ha servido de inspiración para muchos países y pueblos".
Por su parte, el todavía presidente de EE.UU., Barack Obama, ha recalcado que "la historia recordará y juzgará el enorme impacto" del difunto exmandatario.


quinta-feira, 24 de novembro de 2016

País perde mais de 74.000 empregos




Mariana Branco - Repórter da Agência Brasil
Em outubro, 74.748 vagas formais foram fechadas no país, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados hoje (24) pelo Ministério do Trabalho.

A perda de empregos ficou abaixo da registrada em outubro de 2015, quando houve fechamento de 169.131 vagas. No acumulado do ano, o Caged contabiliza 751.816 postos a menos. Nos últimos 12 meses, o país acumula 1,5 milhão de postos de trabalho suprimidos.

Carteira de Trabalho
No acumulado do ano, foram fechados 751.816 postos de trabalhoMarcello Casal Jr/Agência Brasil
Os setores que tiveram as maiores perdas de vagas formais foram construção civil (-33.517 postos), serviços (-30.316 postos) e agricultura (-12.508 postos).

Apenas o setor do comércio apresentou saldo positivo no mês passado, com criação de 12.946 postos de trabalho. A indústria da transformação, que havia apresentado saldo positivo em agosto e setembro, fechou 5.562 vagas em outubro.

As perdas mais significativas de vagas foram registradas em São Paulo (-21.995 postos) e no Rio de Janeiro (-20.563). As unidades da Federação que mais geraram empregos foram Alagoas (5.832), Rio Grande do Sul (2.386), Sergipe (1.932 postos) e Santa Catarina (1.267 vagas).

Divulgado desde 1992, o Caged apura o estoque de vagas formais de emprego no país calculando a diferença entre contratações e demissões. Os dados são levantados com base em declarações enviadas pelos empregadores ao Ministério do Trabalho.

Edição: Juliana Andrade

Agência Brasil


terça-feira, 22 de novembro de 2016

Cinema 2.016 - A monster calls



A Monster Calls is a 2016 Spanish fantasy drama film directed by J. A. Bayona, and written by Patrick Ness based on his own eponymous novel. It stars Sigourney Weaver, Felicity Jones, Toby Kebbell, Lewis MacDougall, and Liam Neeson.

"Sete minutos depois da meia-noite" é um filme espanhol de drama e fantasia de 2.016, dirigido por J. A. Bayona,  e escrito por Patrick Ness, baseado em seu romance. O filme é estrelado por Sigourney Weaver, Felicity Jones, Toby Kebbell. Lewis NacDougall e Liam Neeson.

The film premiered on September 10, 2016 at the 2016 Toronto International Film Festival. It was released in Spain on October 7, 2016 and will be released in the United States on December 23, 2016, by Focus Features.

A pré-estréia  do filme está prevista para 10 de setembro de 2.016 no Festival Internacional de cinema de Tornto de 2.016. O filme está previsto para estrear em 2.016 e nos Estados Unidos deverá ser em 23 de Dezembro de 2.016, pela Focus Features.

Synopsis

Conor O'Malley (Lewis MacDougall) is a young boy who tries to deal with the terminal illness of his mother (Felicity Jones) and the attacks by local school bully Harry (James Melville). One night, Conor encounters a "monster" (Liam Neeson) in the form of a giant humanoid yew tree who has come to tell him stories and soon begins to help Conor fix his unhappy life.

Conor O'Malley (Lewis MacDougall) é um garoto que tenta lidar com a doença terminal de sua mães (Felicity Jones) e com a violência que sofre na escola por causa de um garoto malvado, Harry (James Melville). Numa noite, Conor encontra um monstro (Liam Neeson) na forma de um gigante humanóide feito de um tronco de árvore que vem para contar sua estória e que logo começa a ajudar Conor a resolver sua vida infeliz.


Cast

Lewis MacDougall as Conor O'Malley

Sigourney Weaver (Avó de Conor) as Conor's grandmother, who makes sure her valuable household objects don't get ruined.

Felicity Jones (Mãe de Conor)  as Lizzie O'Malley, Conor's mother, who is diagnosed with a terminal illness and rarely supports her son with little life left in her

Toby Kebbell (Pai de Conor) as Conor's father, who is distant to his wife and son

Liam Neeson (voz do Monstro) as the voice of the "Monster". Tom Holland, who worked with Bayona on The Impossible, served as the stand-in for the Monster during production.

James Melvill (Garoto Harry) as Harry, a school bully who frequently targets Conor

Lily-Rose Aslandogdu (Menina Lily)) as Lily, a classmate of Conor

Geraldine Chaplin (Diretora da escola) as the head teacher

Production

Focus Features bought the rights to book in March 2014  Patrick Ness, the book's author served as the screenwriter with J. A. Bayona was hired as director. On April 23, 2014 Felicity Jones joined the film to play the boy's mother. On May 8, Liam Neeson joined the film to voice the Monster. On August 18, Sigourney Weaver joined to play the boy's grandmother. On August 19, Toby Kebbell also joined the film. On September 3, author Ness tweeted that Lewis MacDougall had been set for the lead role in the film. On September 30, Geraldine Chaplin joined the cast.

Filming

Principal photography began on September 30, 2014, in Spain and England.On October 9, the filming began on location in Preston, Lancashire, and Manchester.

Release

Originally scheduled for an October 2016 release, the film was later delayed in order to avoid competition from Jack Reacher: Never Go Back, Boo! A Madea Halloween, Ouija: Origin of Evil and Keeping Up with the Joneses and is now scheduled for a limited roll out on December 23, 2016, followed by a wide release on January 6, 2017.  The film will be released in the United Kingdom on January 1, 2017, by Entertainment One.

Reception

The aggregate site Rotten Tomatoes reports an approval rating of 84%, based on 49 reviews, with an average rating of 7.4/10, with the near-consensus saying "A Monster Calls deftly balances dark themes and fantastical elements to deliver an engrossing and uncommonly moving entry in the crowded coming-of-age genre". At Metacritic, the film has an average score 76 out of 100, based on 10 critics, indicating "generally favourable reviews".




Cinema 2.016






domingo, 20 de novembro de 2016

Down under - Ment at Work



Travelling in a fried-out Kombi
On a hippie trail, head full of zombie
I met a strange lady, she made me nervous
She took me in and gave me breakfast
And she said:

"Do you come from a land down under
Where women glow and men plunder
Can't you hear, can't you hear the thunder
You better run, you better take cover."

Buying bread from a man in Brussels
He was six foot four and full of muscle
I said, "Do you speak-a my language?"
He just smiled and gave me a Vegemite sandwich
And he said:

"I come from a land down under
Where beer does flow and men chunder
Can't you hear, can't you hear the thunder
You better run, you better take cover." (yeah)

Lying in a den in Bombay
With a slack jaw, and not much to say
I said to the man, "Are you trying to tempt me?
Because I come from the land of plenty."
And he said:

"Oh! Do you come from a land down under (oh yeah yeah)
Where women glow and men plunder
Can't you hear, can't you hear the thunder
You better run, you better take cover."

azlyrics


Viajando numa Kombi superaquecida


Numa trilha hippie, a cabeça cheia de zumbi


Conheci uma mulher estranha, ela me deixou nervoso


Ela me recebeu e preparou um café da manhã


E disse


Você vem de uma terra lá embaixo


Onde as mulheres brilham e os homens saqueiam?


Você não está ouvindo o trovão?


É melhor correr, melhor buscar abrigo


Comprando pão de um homem em Bruxelas


Ele tinha 1,95m e era cheio de músculos


Eu perguntei: Você fala minha língua?


Ele sorriu e me deu um sanduíche de Vegemite


E disse


Eu venho de uma terra lá embaixo


Onde a cerveja flui e os homens vomitam


Você não está ouvindo o trovão?


É melhor correr, melhor buscar abrigo


Deitado em uma toca em Bombaim


De boca aberta, sem muito a dizer


Eu disse para o homem, Você está me tentando


Porque eu venho de uma terra de fartura?


E ele disse


Ah! Você vem de uma terra lá embaixo (oh yeah yeah)


Onde as mulheres brilham e os homens saqueiam?


Você não está ouvindo o trovão?


É melhor correr, melhor buscar abrigo


Vivendo em uma terra lá embaixo


Onde as mulheres brilham e os homens saqueiam


Você não está ouvindo o trovão?


É melhor correr, melhor buscar abrigo





Mais músicas





sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Sérgio Cabral é preso pela polícia federal



A Polícia Federal (PF), em ação conjunta com o Ministério Público Federal (MPF) e a Receita Federal do Brasil (RFB), deflagrou na manhã de hoje (17) a Operação Calicute, com o objetivo de investigar desvio de recursos públicos federais em obras realizadas pelo governo do estado do Rio de Janeiro. O prejuízo estimado é superior a R$ 220 milhões.

A apuração identificou fortes indícios de cartelização de grandes obras executadas com recursos federais mediante o pagamento de propinas a agentes públicos, entre eles, o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, preso em sua residência, no Leblon, bairro zona sul do Rio. Neste momento, policiais federais conduzem o ex-governador para a Superintendência da PF, na Praça Mauá, zona portuária da cidade.

Duzentos e trinta agentes cumprem 38 mandados de busca e apreensão, oito mandados de prisão preventiva, dois de prisão temporária e 14 de condução coercitiva expedidos pela 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, além de 14 mandados de busca e apreensão, dois de prisão preventiva e um de prisão temporária expedidos pela 13ª Vara Federal de Curitiba.

A Operação Calicute é resultado de investigação em curso na força-tarefa da Operação Lava jato no Estado do Rio de Janeiro em atuação coordenada com a força-tarefa da Operação Lava Jato no Paraná. O nome da operação é uma referência às tormentas enfrentadas pelo navegador Pedro Álvares Cabral a caminho das Índias.

*Com informações da Polícia Federal

Edição: Aécio Amado

Agência Brasil

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Setor de serviços cai 4.7 % nos primeiros nove meses de 2.016



Com o recuo de 0,3% no volume de serviços de agosto para setembro deste ano (série livre de influências sazonais), o setor já acumula queda de 4,7% nos primeiros nove meses do ano. Os dados foram divulgados hoje (16) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e indicam, porém, que a receita nominal dos serviços cresceu 0,4% no mesmo período (janeiro/setembro).

Os dados do IBGE indicam, ainda, que o volume dos serviços já havia caído 1,4% em agosto frente a julho, que, por sua vez, fechou com crescimento de 0,6%. Na série sem ajuste sazonal, no confronto com setembro do ano passado, a queda acumulada pelo setor chega a 4,9%, a maior para setembro neste tipo de comparação, desde o início da série em janeiro de 2012; é também a 18ª taxa negativa consecutiva nesse tipo de comparação. No acumulado dos últimos 12 meses a queda dos serviços é ainda maior: de 5%.

Já os dados relativos à receita nominal do setor indicam queda de 0,7% de agosto para setembro; e de 0,2% na comparação com setembro de 2015. Além do crescimento de 0,4% da receita nominal no resultado acumulado no ano, houve também expansão do indicador também no acumulado dos últimos 12 meses.

Segmentos

A queda de 0,3% no setor de serviços na série livre de influências sazonais entre agosto e setembro deste ano reflete resultados negativos nos segmentos de Outros Serviços (-2,5%), Serviços Prestados às Famílias (-0,9%) e de Serviços de Informação e Comunicação (-0,6%).

Entre as atividades que apontaram variações positivas estão Serviços Profissionais, Administrativos e Complementares (0,7%) e Transportes, Serviços Auxiliares dos Transportes e Correios (0,3%). Já o agregado especial das Atividades Turísticas apresentou crescimento de 1,5% na comparação com agosto.

Na contramão

Enquanto o setor de serviços vem apresentando números predominantemente negativos em praticamente todas as bases de comparação, principalmente quanto ao volume de vendas, os Serviços de Tecnologia da Informação vêm se destacando por se contrapor aos resultados de retração de outras atividades.

Segundo o IBGE, na série sem ajuste sazonal, o setor apresenta crescimentos contínuos desde abril de 2016, “o que ressalta sua característica de segmento dinâmico, com a geração de serviços de elevado valor agregado”.

Na avaliação do IBGE, as empresas vêm retomando a contratação de serviços de informática para atender necessidades estratégicas com objetivo de manter os níveis de competitividade e produtividade. “A maior demanda por programas não customizáveis contribui para esse crescimento, principalmente os referentes à produção de games e programas de computação gráfica para o segmento audiovisual”, ressalta o instituto.

Resultados regionais

A queda de 0,3% no volume dos serviços entre agosto e setembro deste ano tem como destaques negativos os estados do Rio de Janeiro, Mato Grosso e Pará com as maiores retrações entre um mês e outro, todos com resultados bem superiores à média do setor para o período. No Rio de Janeiro, estado com a maior queda, a retração chegou a 5,8%; seguido do Mato Grosso (-5,3%); e Pará (-3,2%.

Já as maiores variações positivas, ainda em relação aos resultados regionais, também na série com ajuste sazonal, foram registradas em Rondônia (6,5%), Sergipe (6,2%) e Espírito Santo (4,3%).

Nas Atividades Turísticas com ajuste sazonal, segundo os regiões selecionadas, as variações positivas de volume foram observadas em São Paulo (6,4%), Distrito Federal (5,0%), Bahia (4,9%), Espírito Santo (3,9%), Pernambuco (3,6%), Ceará (3,5%), Rio Grande do Sul (2,9%), Minas Gerais (2,5%), Paraná (1,4%) e Goiás (0,3%). As negativas foram anotadas no Rio de Janeiro (-5,2%) e Santa Catarina (-5,1%).

(*) Texto alterado às 9h55 para acréscimo de informações

Edição: Kleber Sampaio

Agência Brasil 






segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Cinema 2.016 - Passengers



Passengers is an upcoming 2016 American romantic science fiction thriller film directed by Morten Tyldum and written by Jon Spaihts. The film stars Jennifer Lawrence and Chris Pratt. The film is set to be released by Columbia Pictures on December 21, 2016.

Passengers (ou Passageiros no Brasil e em Portugal) é um futuro filme norte-americano romântico de ficção científica de thriller dirigido por Morten Tyldum produzido por Stephen Hamel, Michael Maher, Ori Marmur e Neal H. Moritz com roteiro de Jon Spaihts. É protagonizado por Jennifer Lawrence e Chris Pratt. O filme será lançado em 21 de dezembro de 2016 nos Estados Unidos, 22 de janeiro de 2017 em Portugal e 5 de janeiro de 2017 no Brasil.


Plot
The spaceship Starship Avalon on its 120-year voyage to a distant colony planet known as "Homestead II" and transporting 5,259 people has a malfunction in two of its sleep chambers. As a result, two hibernation pods open prematurely and the two people that awake are stranded on the spaceship, still 90 years from their destination. Aurora Dunn (Jennifer Lawrence) is a journalist from New York City who is interested in cosmic travel. Jim Preston (Chris Pratt) is a mechanical engineer from Denver who wants to leave Earth and bought the ticket for the journey. The two soon discover that the malfunction that caused them to be awoken prematurely is not the only problem afflicting the huge spaceship, and as they try to find a way out, they soon find themselves falling in love.

A nave espacial, Starship Avalon, em sua viagem de 120 anos para um distante planeta colônia conhecida como "Homestead II" e transportando 5.259 pessoas, tem uma avaria em duas das suas câmaras do sono. Como resultado, dois pods de hibernação abrem prematuramente e as duas pessoas que despertaram está encalhado na nave espacial, fixa em 90 anos a partir de seu destino. Aurora Dunn ( Jennifer Lawrence ) é uma escritora de New York que está interessado em viagem cósmica. Jim Preston ( Chris Pratt ) é um engenheiro mecânico de Denver que quer deixar a Terra e comprou o bilhete para a viagem. Os dois logo descobrem que o mau funcionamento que lhes causou a ser acordado prematuramente não é o único problema que aflige a enorme nave espacial, e como eles tentam encontrar uma saída, acabam se apaixonando.

Cast
Jennifer Lawrence as Aurora Dunn, a writer
Chris Pratt as Jim Preston, a mechanical engineer
Michael Sheen as Arthur, a robot bartender
Laurence Fishburne as Gus Mancuso
Andy García as Adm. Norris
Production
Development
Yes, it was a popular script. It’s one of those stories that really grabs you and you fall in love with it. It’s very smart and funny and clever and such a page turner I couldn’t put it down. Every 10 pages, something new happens! At the same time it’s a very intimate movie while taking place on this epic scale. For me, it’s a story about what’s important to live a full life. What are the things we need as humans? It’s not afraid to entertain but at the same time it asks big questions about what does it mean to really feel happy. Every generation has its love story. I feel like this is it. I had to do it.
— Director Morten Tyldum
The original script for Passengers written by Jon Spaihts had been floating around Hollywood for years after it was included in 2007's Black List (Hollywood's annual ranking of the most admired scripts that have yet to be greenlit), and was in development hell ever since. At one point the film was it was a set to star Keanu Reeves and Reese Witherspoon, and was to be produced for the relatively low price of $35 million. Brian Kirk was originally scheduled to make his feature directorial debut with the film with Reeves at the lead On December 5, 2014, it was announced that Sony Pictures Entertainment had won the auction to take the rights to the film.[13] In early 2015, Morten Tyldum was chosen to helm the film.[14] Tyldum had always wanted to do a massive sci-fi action movie but also stressed on the importance of a character driven film rather than a cold and distant sci-fi film.

The cast – Jennifer Lawrence, Chris Pratt, Michael Sheen, Laurence Fishburne and Aurora Perrineau – were announced between February 2015 to January 2016. Lawrence was paid $20 million against 30 percent of the profit after the movie breaks even and Pratt was paid $12 million.

Principal photography
Principal photography on the film began in September 2015 in Atlanta, Georgia. Filming occasionally took place for full days with a bulk of the shooting done around the two leads only. Lawrence got herself really drunk for a sex scene – her first ever – which she said was "bizarre" and "awkward" and was followed by anxiety and guilt. She stressed over the fact that Pratt (husband of Anna Faris) was the first married man she has kissed, "It was just very vulnerable. You don't know what's too much. You want to do it real. You want everything to be real. That was the most vulnerable I've ever been."

Music
Thomas Newman will compose the musical score for Passengers. Spaihts said that he wrote Passengers while listening to Newman's previous scores.

Release
In August 2015, Sony Pictures Entertainment set the film for a December 21, 2016 release in the United States and Canada in 3D and RealD 3D formats, with international rollout running through Christmas and the New Year to January 12, 2017.

Marketing
On September 20, 2016, Sony released the film's first official trailer.

Wikipedia

Trailer legendado

Trailer em inglês

Trailer em inglês 02

Cinema 2.016

Solace

Beleza colateral

Cinema 2.016