domingo, 16 de dezembro de 2012

TV inteligente pode virar dispositivo espião




Os especialistas da empresa de segurança virtual ReVuln descobriram que os hackers podem acessar as câmeras e microfones instalados em televisores inteligentes da Samsung e assim espionar seus proprietários,

A Revuln divulgou um vídeo mostrando como seus especialistas conseguiram hackear um televisor Samsung e acessar sua lista de canais, dados da memória,  mudar a configuração do aparelho e até instalar malware. Segundo a empresa, a maioria dos televisores da nova geração são vulneráveis.

Traduzindo: os usuários desses dispositivos avançados podem ser espionados enquanto estão assistindo TV. alertam os especialistas.

Para hackear um televisor, seria preciso saber o endereço IP do dispositivo, tornando mais provável que esta vulnerabilidade seja utilizada em aparelhos específicos e não em ataques virtuais em massa, de acordo com o co-fundador da ReVuln, Luigi Auriemma, entrevistado pela NBC News.

A Samsung anunciou que fará sua própria investigação sobre essa falha de segurança.

Fonte: RT-TV

Observar que apesar da tecnologia hacker estar disponível a todos, inclusive às empresas criadoras de anti-vírus, hacker é diferente de cracker. Hacker é um especialista que desenvolve tecnologias, cracker é um criminoso que se utiliza dessas tecnologias para atacar, espionar ou praticar qualquer outro tipo de atividade criminosa relacionada a tecnologia.

Um hacker está constantemente desenvolvendo aplicativos, dispositivos, formas de acesso, novas redes e não precisa necessariamente invadir uma máquina alheia ou cometer algum crime.

A má notícia é que todas as TVs brasileiras conseguem fazer este tipo de espionagem, mesmo sem utilizar esse tipo de tecnologia, pior, conseguem implantar dispositivos em qualquer tipo de TV, ligando-o a uma antena e a um satélite - até ministros do governo brasileiro já caíram sob essa esse tipo de espionagem.

Portanto, se você não quiser ser espionado por algum desses criminosos corporativos que estão acima da lei e da ética, sua única saída é manter-se bem longe de equipamentos eletrônicos, principalmente desses que são acessados via satélite.

By Jânio

Classificação dos crimes digitais

Tecnologia da invisibilidade

10 tecnologias que parecem ficção

O humanóide quase perfeito

Binóculo que lê a mente
Postar um comentário