sábado, 10 de agosto de 2013

Animais bizarros



Os cientistas descobrem novas espécies todo ano, aumentando ainda mais as  1.367.555 já identificadas. É difícil imaginar a quantidade de seres vivos que ainda se escondem de nossa vista.

Apresentamos, abaixo, as dez criaturas mais estranhas e desconhecidas.

01 - Pichiciego pampeano (Chiamyphorus truncatus)

Mede entre 7 e 11 centímetros de comprimento, excluindo a cauda. Tem uma cor rosa pálido, com pelos brancos na barriga. Este animal noturno vive na região central da Argentina, em tocas escavadas no solo, geralmente próximo de formigueiros, sua principal fonte de alimento.

Desde 1.970, o pichiciego está na lista de espécies ameaçadas de extinção, pela destruição de seu habitat por causa do avanço das lavouras.



02 - Pompadour Hart (Elaphodus Céphalophe)

Este raro cervo asiático , com tamanho entre 55 e 60 centímetros, caracteriza-se pelo dente de sabre que só os machos possuem.



Elaphodus pode ser encontrado em uma região que ocupa territórios da Índia, China e Birmânia. Apesar de sofrer com a caça excessiva e perda de seu habitat, este cervo não está  em perigo de extinção e ainda não é protegido pela lei.

03 - Pulpo Dumbo ou Dubo Octópus (Grimpoteuthis)

É um gênero de moluscos cefalópodos, chamados assim por suas barbatanas, parecidas com as orelhas, que se projetam sobre a sua cabeça, orelhas voadoras, como do elefante criado pela Walt Disney, Dumbo.

O polvo Dumbo, de aproximadamente 20 centímetros de diâmetros, vive em grandes profundidades marinhas e é considerado uma espécie rara, ainda se sabe muito pouco sobre seus hábitos.



04 - Patagônia Mara (Dolichotis Patagonum)

Mara Patagônia ou Lebre Crioula, é o maior roedor do mundo e vive na Argentina. Quando adulto, pesa em média 8 kg. Entretanto,  alguns podem atingir até 16 kg.

A estrutura social da mara difere de outros roedores por sua condição monogâmica: esses animais tem um companheiro pela vida inteira.



05 - Gerenuc (Litocranius wallen)

Gerenuc, também chamado de Girafa Gazela, habita as savanas da África Oriental, tem o pescoço longo e a cabeça pequena.

Os Generucs se alimentam alçados pela suas patas traseiras e com seus longos pescoços esticados, para alcançar arbustos altos. Embora outras gazelas também possam ficar sobre suas patas traseiras, este animal africano é o único que pode ficar muito tempo nessa posição e até mesmo caminhar uma certa distância desta maneira.



06 - Lampréia (Hyperoartia)

Estranha criatura de corpo gelatinoso, cilíndrico, sem escamas e muito escorregadio. As lampreias tem uma boca circular, vários círculos concêntricos de dentes córneos, uma língua também córnea que lhes permite raspar a carne e absorver o sangue de diversos animais marinhos, como os tubarões, salmão, bacalhau e golfinhos, que eles alimentam parasitariamente.

O mais assombroso sobre esse animal é que ele nasce no rio, onde permanece em estado de larva por quatro ou cinco anos, medindo 20 centímetros de comprimento, quando atinge a maturidade, descendo para o mar onde viverá o resto de sua vida, até a época de reprodução.





07 - Mole Star-nosed ou Topo de nariz estrelado (Condylura Cristata)

Vive na América do Norte, especialmente na costa nordeste dos EUA,  e se caracteriza pelos 22 tentáculos rosados na boca. Estas extensões são de grande sensibilidade tátil, essencial na captura de vermes, insetos e crustáceos.




08 - Carangueijo Yeti (Kiwa hirsuta)

O caranguejo decápodo, recentemente descoberto no Pacífico Sul, recebeu o nome vulgar de "caranguejo yeti" por sua cor branca e cabelo abundante. É justamente nos pelos onde habitam colônias de bactérias cuja função ainda está sendo estudada. Os pesquisadores especulam que o caranguejo cultiva estas bactérias para se alimentar.



09 - Tartaruga de Cantor (Pelochelys cantorii)

Esta rara espécie de tartaruga gigante, que vive na região Sudeste da Ásia, não possui casca dura, mas algumas costelas unidas e cobertas com uma pele dura, resistente. Os maiores exemplares da espécie podem chegar a 50 Kg e medir até dois metros.

Em 95% da sua vida, ele fica embaixo das areias ou lama, protegendo-se dos predadores.

A União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN) afirma que a tartaruga de cantor está à beira da extinção.



10 - Carangueijo gigante japonês (Macrocheira Kaempferi)

Este caranguejo aranha do Oceano Pacífico é considerado o maior artrópode vivo do mundo em comprimento, entre os identificados até o momento. As pernas chegam a medir mais de 1,5 metro de comprimento e o diâmetro total do animal atinge 4 metros.

Alguns cientistas asseguram que as "pinzas" de suas pernas são mais fortes que a mandíbula de um crocodilo, além de ser venenosa.

Acredita-se que o caranguejo, de cerca de 20 quilos, chega a viver mais de cem anos.



Fonte: RT-TV

Criaturas mais assustadoras do planeta

Animais engraçados

Encontrado animal estranho no Canadá

Top 10 animais mortais

Postar um comentário