sábado, 22 de agosto de 2015

Identificadas partículas extraterrestres na Antártida



O Neutrino Observatory IceCube, localizado na Antártica, confirmou a detecção de partículas cósmicas nas profundezas de gelo do Pólo Sul, cuja origem poderia ser fontes astrofísicas, como buracos negros ou explosão de uma estrela na Via Láctea ou além.

Neutrinos astrofísicos, partículas de energia muito alta, viajam pelo espaço sem serem interrompidos por obstáculos como estrelas, planetas, galáxias, campos magnéticos ou nuvens de poeira interestelar, antes de atingir a Terra, informou a revista científica Physical Review Letters ".
Segundo os pesquisadores, os neutrinos não têm massa e nem carga elétrica, por isso eles são muito difíceis de detectar e só podem ser visto quando colidem com outras partículas, como as terrestres, criando múons ou neutrinos de alta energia cósmica, que foram descobertos anteriormente mas até agora não havia sido confirmado o achado.
Eles também observaram que os múons chegaram à Terra através do céu do Hemisfério Norte, levando-os a concluir que o nosso planeta funciona como um filtro para estas partículas de alta energia, cuja origem ainda não foi determinada. "As conclusões do IceCube permitiram que os astrofísicos pudessem estudar as partículas que viajaram milhões de anos-luz entre sua origem até a Terra, dando uma nova visão de como as partículas aceleram através do universo", disseram os cientistas.
Fonte: RT-TV

Postar um comentário