domingo, 23 de fevereiro de 2014

Cidade subterrânea do futuro




Em um esforço para lidar com as baixas temperaturas, a capital da Finlândia começou a construir, em 2011, uma série de locais públicos em baixo da Terra.

Até o momento foram construídos mais de 400 obras que vão de parques aquáticos e shopping centers, até depósitos de petróleo e carvão, localizados a mais de 30 metros de profundidade.

O projeto envolve a construção de uma piscina, uma casa noturna, um teatro, restaurantes, uma galeria de arte, etc. Algumas das estações previstas no projecto foram abandonados há mais de 75 anos atrás.



Montreal

Em Montreal uma  rede subterrânea de túneis percorrem 33 kilômetros por baixo da cidade. O túnel conta com 40 pontos de entretenimento e atrações locais.



Pelos túneis circulam trens e ônibus, que completa a imagem de uma cidade desenvolvida. Existem mais de 120 pontos de acesso externo ao complexo.



Mais de 500.000 moradores usam a Internet todos os dias, seja para visitar suas lojas ou apenas para usar como abrigo durante os dias frios.



Nova Iorque

Um grupo de Nova Iorque propôs planos para transformar um terminal de "trolebuses" abandonado em um parque subterrâneo.

O projeto Low Line (linha baixa) iria transformar um túnel subterrâneo de Manhattan em um espaço público. Os painéis solares alimentariam a iluminação subterrânea, esses painéis estariam localizado na superfície.

O projeto arrecadou fundos para o financiamento inicial e é apoiado por grandes autoridades locais, segundo Dan Barasch, um dos idealizadores do projeto que poderia ser concluído no prazo de cinco anos.

Fonte: RT

Comentários: Eu não queria repetir a frase "Seria efeito Matrix?" mas tudo leva a crer que esse desenvolvimento para baixo não é exatamente um desenvolvimento, pode ser apenas a primeira das várias adaptações forçadas que teremos de fazer para sobreviver no futuro.

É triste ver uma civilização "avançada" como a americana, sendo vítimas de um grupo elitista que utilizou o capitalismo e a globalização para acabar com a maior potência econômica desde o império romano.

Para quem mora no Brasil, pode ser mais fácil ver tudo de fora, inclusive sentindo na pele aqui dentro. As mídias de massa e máfia do entretenimento filtram tudo o que era inteligente e deixam o que não presta no mercado. Stallone viu o filho ser morto de maneira violenta, mas nem isso o fez abandonar a promoção cinematográfica da violência. Lembrando que ele criticou o Brasil, onde tudo é possível por dinheiro, então podemos imaginar que aqui está bem pior do que estamos sentindo, pelo menos antes de entrarmos em uma fila de hospital, lutando inutilmente para não morrer.

Saber que estão encontrando a "solução" para a poluição, em cidades como Pequim, ou para as mudanças climáticas, como em Nova Iorque, indica que os magnatas capitalistas continuaram a destruir o planeta, ignorando leis, moral e ética.

Comentário by Jânio

Taxi  voador

Tecnologias de ponta

Levitação através do som

Top 10 ficção real


Postar um comentário