sexta-feira, 15 de julho de 2011

Como não fazer aniversário na Facebook



Um dos eventos mais falados dos últimos meses na Facebook, foi o da jovem que convidou os amigos para o aniversário e encheu toda a rua com pessoas que nem conhecia.

Aconteceu em Hamburgo. Mesmo na presença de 80 policiais, algumas pessoas, entre as cerca de 1.600 presentes, saíram do controle.

Essa menina cometeu dois erros, um de nível técnico e outro de nível emocional. Também mostrou o perigo de se enviar uma mensagem, sem antes avaliar as suas consequências.

Vou continuar insistindo na idéia de que a internet é um meio de comunicação aberto a todas as pessoas, mas o mais importante é que não se pode ter idéia precisa do potencial dessa idéia. Se a idéia tornar-se um viral, teremos uma reação em cadeia.

Muita gente experiente na vida, pode cometer gafes terríveis no mundo virtual, por uma simples falta de conhecimento ao usar essa ferramenta.

Se a criança é mimada, o problema torna-se ainda maior. Nesse caso, o pai prefere pedir concordata a ver o filho(a) infeliz.

Aqui, já notamos a importância da educação. Imaginem se o filhinho de cinco anos resolve fazer uma coleção de amigos, adicionando todos os internautas que encontra.

É muito importante que os pais acompanhem as atividades das crianças, melhor, eduquem-nas, para que cresçam com a consciência da importância e dos perigos do uso da internet.

A quantidade de fotos, vídeos caseiros e revelações íntimas das pessoas, publicados na internet, é assustador.

Web cam embutida no computador, é tudo o que uma pessoa não deveria ter. Pode revelar uma vida normal que a sociedade vê com outros olhos, nem todas as pessoas estão prontas para um Big Brother.

Quando apagamos um arquivo, ele vai para a lixeira; quando apagamos um arquivo da lixeira, ele ainda poderá ser recuperado.

Vendo uma reportagem e analisando as informações de um especialista, cheguei a conclusão que não há mais privacidade no mundo.

Além de um programa espião, instalado no computador, há possibilidade de instalação de um chip no mouse. Naturalmente, a justiça proíbe as imagens, exceto imagens em locais públicos, mas como não há justiça no Brasil...

Voltando ao caso da Facebook, a menina poderia convidar os amigos mais ativos, através do email interno, mensagens. Convidar os amigos, direto de sua página, provocou uma reação em cadeia.

Certamente, ela deve ter se arrependido de ter adicionado tantas pessoas, sem avaliar as responsabilidades, mas agora é tarde...

By Jânio
Postar um comentário