sábado, 18 de junho de 2011

Cantemos juntos




A dupla de cantores e compositores, Dom e Ravel, partiu deixando em sua discografia grandes clássicos da música brasileira, entre elas o hino da copa de 1.970, ganha pelo Brasil.

Apesar de serem criticados como "ufanistas", a dupla manteve-se fiel ao seu estilo, conquistando muitos fãs em todo Brasil, inclusive fãs famosos como "Os incríveis", uma das bandas pops mais bem sucedidas de todos os tempos.

Depois de ver seu irmão Dom ser vencido pelo câncer em 2.000, nesta Quinta-feira, 16 de Junho, foi uma data triste, o dia em que o infarto levou também o irmão Ravel. Por outro lado, a dupla parece estar do outro lado da vida pedindo "Cantemos Juntos".

Então vamos participar dessa despedida, numa festa triste que deixará muita saudade.

CANÇÃO DA FRATERNIDADE

Eu queria ser um pedaço de pão

Prá matar a fome de alguém

"Cantemos juntos"

Vejo tanta gente sofrendo de fome

Nunca ser lembrada por ninguém

"Cantemos juntos"

Eu queria ser uma casa vazia

Prá recolher os abandonados

"Cantemos juntos"

Vejo tantos meninos largados nas ruas

Precisando ser recuperados

"Cantemos juntos"

Eu queria ser esse livro surrado

Que ainda pode ser aproveitado

"Cantemos juntos"

Vejo tantos alunos querendo aprender

Bem que podiam ser ajudados

"Cantemos juntos"

Eu queria ser os cadernos e lápis

Que sobraram dos anos passados

"Cantemos juntos"

Vejo tantos irmãos que não podem comprar

E pelo mundo eu seria espalhado

"Cantemos juntos"

Eu queria ser um agasalho velho

Para agasalhar um irmãozinho

"Cantemos juntos"

Vejo tanto velhinho tremendo de frio

Morrer triste como um passarinho

"Cantemos juntos"

Eu queria ser um sapato encostado

Prá calçar um irmão favelado

"Cantemos juntos"

Vejo tantas famílias naqueles barracos

Acenando os sapatos furados

"Cantemos juntos"

Eu queria ser um remédio barato

Prá aliviar um desenganado

"Cantemos juntos"

Vejo tanta gente sofrendo sozinha

Sem contar com amigo a seu lado

"Cantemos juntos"


EU TE AMO MEU BRASIL

Escola...

Marche...

As praias do brasil ensolaradas

Lá lá lá lá...

O chão onde país se elevou

Lá lá lá lá

A mão de Deus abençoou

Mulher que nasce aqui

Tem muito mais amor

O Céu do meu Brasil tem mais estrelas

Lá lá lá lá

O sol do meu país, mais esplendor

Lá lá lá lá

A mão de Deus abençoou

Em terras brasileiras vou plantar amor

Eu te amo, meu Brasil, eu te amo

Meu coração é verde, amarelo, branco, azul-anil

Eu te amo, meu Brasil, eu te amo

Ninguém segura a juventude do Brasil

As tardes do Brasil são mais douradas

Lá lá lá lá

Mulatas brotam cheias de calor

Lá lá lá lá

A mão de Deus abençoou

Eu vou ficar aqui, porque existe amor

No carnaval, os gringos querem vê-las

Lá lá lá lá

Num colossal desfile multicor

Lá lá lá lá

A mão de Deus abençoou

Em terras brasileiras vou plantar amor

Adoro meu Brasil de madrugada

Lá, lá, lá, lá.

Nas horas que eu estou com meu amor

Lá,lá,lá,lá.

A mão de Deus abençoou.

A minha amada vai comigo aonde eu for.

As noites do Brasil tem mais beleza

Lá, lá, lá, lá.

A hora chora de tristeza e dor

Lá, lá, lá, lá.

Porque a natureza sopra e ela vai-se embora

Enquanto eu planto amor.

Eu te amo meu Brasil, eu te amo.

Meu coração é verde, amarelo, branco, azul anil.

Eu te amo meu Brasil, eu te amo.

Ninguém segura a juventude do Brasil. 2 x

Só queria ser o pouquinho que sou

Semeando esse amor entre os homens

"Cantemos juntos"

Vendo tantos amigos cantando comigo

Com a mesma alegria de ontem

"Cantemos juntos"
Postar um comentário